Cotas para os feios

feiura

Um professor da Universidade do Texas em Austin propôe políticas de inclusão para os feios. Segundo o artigo publicado no New York Times, um estudo aponta que durante a vida, um feio pode vir a ganhar até 230 mil dólares a menos do que um bonito, nas mesmas condições.

Continuar lendo


A imagem dos jogos, o jogo das imagens

Entre críticas e elogios, a abertura dos jogos olímpicos de Londres acabou passando, com bastante propriedade, a mensagem a que, acredito eu, se propôs. Não se trata, porém, de uma mensagem de assimilação imediata. Eu me dei conta plenamente dela ao assistir novamente a abertura, desta vez com meu filho ao meu lado.

Continuar lendo