Graça e perdão

Carroção Amish levando crianças

Há exatos 15 anos, no dia 2 de outubro de 2006, Charles Carl Roberts invadiu um escola na comunidade Amish da Pensilvânia, EUA e atirou em diversas pessoas. Cinco meninas entre 5 e 13 anos foram mortas, outras cinco ficaram feridas. Em seguida, Roberts atirou em si mesmo e se matou.

Os Amish são uma comunidade pacifista cristã, que pratica um modo de vida distanciado das tecnologias e hábitos do mundo moderno.

O que aconteceu depois foi o mais surpreendente. Os Amish foram até a casa da viúva de Roberts, Marie, para dizer a ela que estavam perdoando ele. No dia seguinte ao ataque, a mãe e a avó de uma das meninas mortas, receberam Marie Roberts em sua casa. Os Amish ainda ajudaram a criar uma conta bancária para ajudar a família de Charles Roberts.

Marie Roberts, a viúva, escreveu uma carta à comunidade Amish, agradecendo pelo perdão recebido em que dizia: “Seu amor por nossa família nos ajudou a encontrar a cura que desesperadamente precisamos” e “Sabemos que há dias muito duros adiante para as famílias que perderam seus queridos, por isso continuaremos a colocar nossa esperança e confiança no Deus de todo conforto, enquanto buscamos reconstruir nossas vidas”.

A história deste episódio foi contada no fime Graça e Perdão, que pode ser visto no Youtube.

Hamilton Furtado

Veja também:

  • fora do alvoCorações armados Mais uma vez nos toma de assalto a notícia de alguém que entra atirando em um local […]
  • Indiferença Uma criança de dez anos vai à escola com uma arma de fogo, atira na professora que fica […]
  • Escada espiral infinitaEscala de fé Richard Dawkins, em seu livro “Deus, um Delírio”1 popularizou uma certa escala de […]
  • Resposta a um amigo Esse texto, sobre o crer e o descrer na existência de Deus, segue um modelo um pouco […]

Comentários

Loading Facebook Comments ...

Deixe um comentário